"HALL OF FAME" - CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO GERAL AQUI:

NÃO SOU CADASTRADO                                                         NÃO LEMBRO A SENHA/USUÁRIO
usuario: senha:

OBJETIVA: (494289 votos)..........95.68% das questões objetivas receberam votos.
Escolar de 12 anos inicia com quadro de mal-estar, tosse seca, dor de garganta, cefaléia e febre. Duas semanas após, procura o médico por agravamento da tosse que é persistente, muito intensa, em paroxismos, com escarro mucóide. Ao exame físico, auscultam-se alguns roncos nas bases. O exame radiológico de tórax mostra broncopneumonia intersticial. O agente mais provável para esse quadro é:
A. Staphylococcus aureus
B. Haemophilus influenzae
C. Mycoplasma pneumoniae
D. Pseudomonas aeruginosa
E. Streptococcus pneumoniae

  RATING: 2.96

Escolar de 12 anos inicia com quadro de mal-estar, tosse seca, dor de garganta, cefaléia e febre. Duas semanas após, procura o médico por agravamento da tosse que é persistente, muito intensa, em paroxismos, com escarro mucóide. Ao exame físico, auscultam-se alguns roncos nas bases. O exame radiológico de tórax mostra broncopneumonia intersticial. O agente mais provável para esse quadro é:

A. Staphylococcus aureus
INCORRETO: veja a resposta da alternativa C
B. Haemophilus influenzae
INCORRETO : veja a resposta da alternativa C
C. Mycoplasma pneumoniae
CORRETO : Uma característica importante da pneumonia pelo Mycoplasma pneumoniae é a tosse intensa, de longa duração e a ausência de achados radiológicos específicos. Sabemos que os achados radiológicos na pneumonia por este agente se resumem a infiltrado intersticial, mais comum em lobos inferiores (75% unilaterais), e broncopneumonia. A pneumonia lobar é vista raramente e a linfadenopatia hilar ocorre em 33% dos casos. O enunciado utiliza um termo incomum: 'broncopneumonia intersticial'.
D. Pseudomonas aeruginosa
INCORRETO : veja a resposta da alternativa C
E. Streptococcus pneumoniae
INCORRETO : veja a resposta da alternativa C

Gabarito:  C

AVALIE ESSA QUESTÃO: (2.96)
DISCURSIVA: (97281 votos) ..........100% das questões discursivas receberam votos.
Quais são os indicadores de saúde representados pelas fórmulas?
a) Nº de óbitos em menores de 7 dias/Nascidos vivos;(0,125 pontos)
b) Nº nascidos mortos/Nascidos vivos + nascidos mortos;(0,125 pontos)
c) Nº de filhos nascidos vivos/população total feminina;(0,125 pontos)
d) Nº de pessoas de 65 anos e mais de idade/População com menos de 15 anos(0,125 pontos)

RATING: 3.1

Quais são os indicadores de saúde representados pelas fórmulas?
a) Nº de óbitos em menores de 7 dias/Nascidos vivos;(0,125 pontos)
b) Nº nascidos mortos/Nascidos vivos + nascidos mortos;(0,125 pontos)
c) Nº de filhos nascidos vivos/população total feminina;(0,125 pontos)
d) Nº de pessoas de 65 anos e mais de idade/População com menos de 15 anos(0,125 pontos)

A) Coeficiente de Mortalidade Neonatal Precoce (0,125 pontos)
B) Coeficiente de Natimortalidade (0,125 pontos)
C) Taxa Específica de Fecundidade (0,125 pontos)
D) Índice de Envelhecimento (0,125 pontos)

FONTE:
https://www.misodor.com.br/INDICADORES%20SAUDE.php

AVALIE ESSA QUESTÃO: (3.1)

CASO CLINICO: (103497 votos)..........99.33% dos casos clinicos receberam votos.
PRDL, 28 anos, primigesta, idade gestacional de 32 semanas e 1 dia, calculado pela data da última menstruação, compatível com ultra-sonografia realizado com 9 semanas. Procura a triagem do HUJM, queixando-se de perda de liquido amniótico via vaginal há 6 horas. Nega sangramentos ou contrações uterinas. Ao exame, visualizado saída de líquido amniótico pelo orifício externo do colo. Toque vaginal apresentando colo grosso, posterior e fechado. Batimentos cárdio fetal de 150 bpm e dinâmica uterina: ausente. Pergunta-se:
Como você conduziria este caso?




RATING: 2.88

1. Internação e repouso absoluto no leito.
2. Ultrassonografia para quantificar líquido amniótico.
3. Cardiotocografia de 3/3 dias.
4. Dopplervelocimetria semanal.
5. Temperatura axilar de 4/4 horas.
6. Pesquisar aumento da sensibilidade uterina, secreções vaginais fétidas diariamente.
7. Auscultar BCF de 6/6 horas.
8. Leucograma e PCR de 3/3 dias.
9. Pesquisar maturidade fetal com 34 semanas.
10. Fazer corticóide na internação: betametazona, 12 mg de 24/24 horas (2 doses) IM.
11. NÃO FAZER: Toques vaginais. Antibióticos profiláticos. Tamponamento vaginal
12. Interromper a gestação na vigência de infecção ou vitalidade fetal comprometida ou maturidade presente (34 semanas).
13. Via de parto: Obstétrica.

AVALIE ESSE CASO CLINICO: (2.88)

 

1450 USUARIOS INSCRITOS

296 PROVAS FEITAS POR ASSINANTES

726 RECADOS DOS VISITANTES

NOSSO BANCO DE PROVAS TEM:
8564 QUESTÕES OBJETIVAS, PRECISAMENTE:

2091 DE CLINICA, 3763 DE PEDIATRIA, 1358 DE CIRURGIA, 364 DE OBSTETRICA-GINECOLOGIA, 738 DE SAUDE PUBLICA
124 QUESTÕES DISSERTATIVAS E 150 CASOS CLINICOS

Todos os direitos reservados. 2021.
O site misodor.com está online desde 04 de novembro de 2008
O nome, o logo e o site misodor são propriedade declarada do webmaster
Qualquer conteudo deste site pode ser integralmente ou parcialmente reproduzido, com a condição da menção da fonte.