"HALL OF FAME" - CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO GERAL AQUI:

NÃO SOU CADASTRADO                                                         NÃO LEMBRO A SENHA/USUÁRIO
usuario: senha:

OBJETIVA: (494280 votos)..........95.68% das questões objetivas receberam votos.
Paciente diabético, com retinopatia diabética, tem como principais fatores de controle:
A. uso de aspirina e controle pressórico.
B. controle glicêmico e aspirina.
C. controle glicêmico com manutenção de hemoglobina glicada abaixo de 8 g%.
D. controle pressórico mantendo níveis inferiores a 140 x 90 mmHg.
E. controle glicêmico mantendo hemoglobina glicada abaixo de 7 g% e controle pressórico abaixo de 130 x 80 mmHg.

  RATING: 3

Paciente diabético, com retinopatia diabética, tem como principais fatores de controle:

A. uso de aspirina e controle pressórico.
INCORRETO: veja a resposta da alternativa E
B. controle glicêmico e aspirina.
INCORRETO : veja a resposta da alternativa E
C. controle glicêmico com manutenção de hemoglobina glicada abaixo de 8 g%.
INCORRETO : veja a resposta da alternativa E
D. controle pressórico mantendo níveis inferiores a 140 x 90 mmHg.
INCORRETO : veja a resposta da alternativa E
E. controle glicêmico mantendo hemoglobina glicada abaixo de 7 g% e controle pressórico abaixo de 130 x 80 mmHg.
CORRETO : mantendo um controle glicemico diário, vigiando a hemoglobina glicozilada (que representa 'a memória' diabetica) e o control pressorico abaixo dos valores admitidos como sendo 'aceitaveis' são as principais prioridades para tratamento crônico do diabetico com retinopatia

Gabarito:  E

AVALIE ESSA QUESTÃO: (3)
DISCURSIVA: (97278 votos) ..........100% das questões discursivas receberam votos.
I) Quais são os fatores que definem a a profundidade da lesão queimada? (0,15 pontos)
II) Quais são as três zonas da lesão queimada cutânea ou superficial? (0,15 pontos)
III) Qual é o percentil da área de superfície corporal total (ASCT) queimada duma criança de 5 anos que queimou o abdômen (abaixo das costelas, até o hipogastro) e as duas partes anteriores da coxa até o joelho? (0,20 pontos)

RATING: 2.95

I) Quais são os fatores que definem a a profundidade da lesão queimada? (0,15 pontos)
II) Quais são as três zonas da lesão queimada cutânea ou superficial? (0,15 pontos)
III) Qual é o percentil da área de superfície corporal total (ASCT) queimada duma criança de 5 anos que queimou o abdômen (abaixo das costelas, até o hipogastro) e as duas partes anteriores da coxa até o joelho? (0,20 pontos)

I) Quais são os fatores que definem a a profundidade da lesão queimada?
Localmente, a lesão térmica causa necrose coagulativa da epiderme e dos tecidos subjacentes, com a profundidade da lesão dependendo:
- da temperatura à qual a pele foi exposta (0,05 p)
- do calor específico do agente causal (0,05 p)
- da duração da exposição (0,05 p)

II) Quais são as três zonas da lesão queimada cutânea ou superficial?
A área de lesão cutânea ou superficial foi dividida em três zonas:
- zona de coagulação (0,05 p)
- zona de estase (0,05 p)
- zona de hiperemia (0,05 p)

III) Qual é o percentil da área de superfície corporal total (ASCT) queimada(...)?

Metade de abdômen corresponde á 18%:2 (o torax não foi acometido) = 9% (0,05 p). Cada MIE dá 7% (0,05 p), mas como queimou somente a parte anterior e superior da 1,75% de cada lado, ou seja 1,75% + 1,75% = 3,5%(0,05 p). O total será de 12,5%. (0,05 p)

FONTE:
MISODOR - SAÚDE DA CRIANÇA - QUEIMADURAS NA INFÂNCIA

AVALIE ESSA QUESTÃO: (2.95)

CASO CLINICO: (103496 votos)..........99.33% dos casos clinicos receberam votos.
Mulher de 58 anos queixa-se de eventuais episódios de dor em queimação em epigástrio que possuem nítida relação com alimentação. É diabética tipo 2 há 15 anos, em uso irregular de metformina, e hipertensa, em uso irregular de fosinopril 10 mg/dia. Procurou médico assistente.
Exame físico IMC = 32 kg/m2; PA = 170 x 95 mmHg; Glicemia = 210 mg%; Leucócitos = 7.000/mm3 com diferencial normal, Hb = 10 g/dL; Ht = 30%; uréia = 61 mg% e creatinina = 2,3 mg%.
A ultrasonografia abdominal está abaixo:

a) Qual o diagnóstico ultra-sonográfico? (0,1 pontos)
b) Após analisar a ultra-sonografia e a clínica da paciente, qual o tratamento recomendado?(0,1 pontos)
c) Você modificaria o esquema terapêutico prescrito para o tratamento do diabetes mellitus da paciente? Justifique.(0,2 pontos)
d) Você recomendaria cirurgia bariátrica para esta paciente? Justifique.(0,1 pontos)


RATING: 3.08

a) Qual o diagnóstico ultra-sonográfico?
Colelitíase.(0,1 p)
b) Após analisar a ultra-sonografia e a clínica da paciente, qual o tratamento recomendado?
Colecistectomia videolaparoscópica.(0,1 p)
c) Você modificaria o esquema terapêutico prescrito para o tratamento do diabetes mellitus da paciente? Justifique.
Sim.(0,1 p) Suspenderia imediatamente a metformina devido à insuficiência renal.(0,1 p)
d) Você recomendaria cirurgia bariátrica para esta paciente? Justifique.
Não. A cirurgia se encontra indicada em pacientes com IMC > 40 ou > 35 com comorbidades.(0,1 p)

AVALIE ESSE CASO CLINICO: (3.08)

 

1450 USUARIOS INSCRITOS

296 PROVAS FEITAS POR ASSINANTES

726 RECADOS DOS VISITANTES

NOSSO BANCO DE PROVAS TEM:
8564 QUESTÕES OBJETIVAS, PRECISAMENTE:

2091 DE CLINICA, 3763 DE PEDIATRIA, 1358 DE CIRURGIA, 364 DE OBSTETRICA-GINECOLOGIA, 738 DE SAUDE PUBLICA
124 QUESTÕES DISSERTATIVAS E 150 CASOS CLINICOS

Todos os direitos reservados. 2021.
O site misodor.com está online desde 04 de novembro de 2008
O nome, o logo e o site misodor são propriedade declarada do webmaster
Qualquer conteudo deste site pode ser integralmente ou parcialmente reproduzido, com a condição da menção da fonte.